domingo, 17 de maio de 2009

DEIXA-ME AMAR-TE!






DEIXA-ME AMAR-TE!


Vem cá, amado...
Deita tua cabeça em meu colo...
Deixa-me afagar-te os cabelos,
Sussurrar-te aos ouvidos palavras doces,
Beijar-te a fronte,
Falar-te de meu amor!

Deixa-me confortar-te neste momento
Em que a mágoa faz parte de tua emoção...
Quero amar-te neste instante
Com toda a doçura que existe
Dentro de meu coração!

Somos de tal modo afinados,
Que vivemos sempre a mesma emoção...
Somos felizes na mesma hora,
Sofremos juntos as dores do coração!

Vem!
Deixa-me amar-te agora
Como se fosse o ultimo instante a nosso dispor!
Deixa-me ofertar-te agora
Toda a ventura que nos dá nosso amor!

Vem!
Aninha-te em meus braços,
Deixa-me fazer-te feliz!
Deixa-me dar-te a ventura sonhada...
Vem!
Deixa-me fazer-te feliz!


(FatinhaMussato)
Jales (SP), fevereiro/2009

Um comentário:

(Apollo-onze) disse...

Quanto carinho e ternura expresso num desejo profundo e tão intenso lindo, lindo parabéns!

Mil beijinhos de muito carinho para si minha querida amiga/irmã Fatinha.